segunda-feira, agosto 29, 2005

Imagens pelo Celular

Apesar de superficial, a matéria de ontem na Folha de S.Paulo sobre o boom de produção fotos pelo celular aponta para um tema importante: a mudança da função social da fotografia.
"Hoje, tirar fotografia é banal. É um tique, uma mania. A produção da imagem vai ficando cada vez mais acessível", afirma o professor de semiótica da PUC Arlindo Machado. Segundo ele, o celular com câmera e as próprias câmeras digitais são apenas mais uma etapa de um longo processo de "dessacralização da imagem". (...)
"Para Yvette Piha Lehman, professora de psicologia social da USP, o celular com câmera pode ser encarado como um novo brinquedo, "que pode ser lúdico".
Lehman compara, por exemplo, o significado dos álbuns com os fotologs. "Antes, a foto sustentava uma história. Hoje, é apenas uma documentação visual desconexa." Ou seja, se antes as fotos mostravam uma trajetória e apresentavam uma pessoa, agora são como pequenos flashes do cotidiano.
"Essas fotos são pouco vistas, não têm mais a função de guardar a memória. São efêmeras, armazenadas e esquecidas", concorda a antropóloga Rita Oliveira".
Em tempos de mídia digital, o que é registro, o que é documentação histórica?

3 Comments:

Blogger Su said...

As fotos são uma outra linguagem, agora com possibilidade de ser tão usada quanto a escrita.
"Antes, a foto sustentava uma história. Hoje, é apenas uma documentação visual desconexa."
Talvez, em tempos anteriores se pudesse dizer:
"Antes, um documento comprovava uma história. Hoje, é apenas uma documentação escrita desconexa."
As linguagens se alargam e ficam mais acessíveis. onde isso vai dar fica difícil antecipar.

11:24 da tarde  
Blogger Lilian said...

e quem sabe antes havia maior ilusão quanto a capacidade do documento comprovar? o que é desconexo, hoje, num tempo em que a linkagem é feita pelo produtor do hipertexto e pelo visitante em navegação? conceitos a serem averiguados...

11:51 da tarde  
Anonymous Ester said...

Oi Lilian, Como vai?
Mto legal seu Blog.
Eu vejo a foto como um documento do cotidiano, retrata hábitos comuns ou eventos importantes para a história das pessoas.
Existem fotos que possuem um valor mais social, ou seja, pertencem à comunidade como um todo. Estes são documentos que possuem um semióforo, ou seja, ela clica um tempo para a eternidade, é exposta porque é procurada por tds e na exposição é que realiza sua significação de existência.
Um gde abraço,
Ester.

5:17 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home

Get Free Shots from Snap.com/html>