quinta-feira, maio 08, 2008

destrancando as salas

O governo de São Paulo está tomando uma medida interessante: criar condições para que as salas de informática das 5 mil e tantas escolas do estado permaneçam abertas das 8h às 20h.
É a proposta do Acessa na Escola, aliança do programa Acessa São Paulo com a Secretaria de Estado da Educação. Haverá contratação de alunos do 1o e 2o ano do Ensino Médio, como bolsistas, para atendimento em turnos de 4 horas. O Acessa São Paulo ofecerá treinamento aos monitores.
O programa é ambicioso, mas também está pensado para ser paulatino. De agosto desse ano a março de 2009, fala-se em 1500 escolas. O conjunto das escolas, só no fim de 2010.
O bacana dessa história é que quem está por trás das propostas de treinamento é o pessoal do weblab Lidec - USP, ou seja Hernani Dimantas, Drica Guzzi, Dalton Martins e a equipe que já trabalha com os monitores do Acessa. Isso significa: ninguém vai oferecer cursinho de informática... A rede do Lidec (e portanto as redes do Acessa) é a Rede de Projetos, é por as pessoas em contato para colaborar e descobrir juntos o que há na internet e o que ela pode trazer para auxiliar nas demandas locais.
Espero que os professores se abram para o projeto. Acho que eles tem a ganhar: apoio técnico qualificado, menos responsabilidade com a sala, interlocução com gente que sabe bastante de internet.
O anúncio está no site do governo do estado.

2 Comments:

Anonymous Anónimo said...

Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

1:18 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

8:03 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home

Get Free Shots from Snap.com/html>