segunda-feira, maio 15, 2006

Bichos sabidos

Adoro quando se noticia avanços nas pesquisas sobre inteligência animal. É bom contrapor esta nossa arrogância humana, que está sempre pronta a subestimar e desconsiderar a capacidade de entendimento, comunicação e relacionamento de qualquer outra espécie que não seja a humana.
No texto "Nomes Próprios", na Folha de S. Paulo, neste domingo, dia 14, o Marcelo Leite conta sobre um trabalho científico que mostrou a capacidade de uma espécie de golfinhos que se conhece pelo nome. Sempre ficou a dúvida se o reconhecimento entre eles não se dava por meio do som do assobio. Por isso os cientistas sintetizaram os chamados e emitiram os mesmos com "vozes" alteradas. Não é que os golfinhos viravam pra olhar quando ouviam os nomes de alguém da sua turma?
Gostei também do final do texto:
"O trabalho é notável. Pode e deve ser saudado como uma dessas pequenas revoluções que sacodem a auto-representação dos homens e seu lugar no mundo. Mais um terremoto na fronteira murada que segregava a natureza da cultura. A ciência natural revela cada vez mais que as outras espécies vivas carregam suas próprias mesclas peculiares de sentimento, inteligência e, vá lá, aquilo que chamamos de consciência.
Que nome dar para essa nova e generosa visão da vida?"

1 Comments:

Anonymous Vivian said...

Oi Lilian, tudo bem?

Meu nome é Vivian e eu sou jornalista do portal de Educação da Microsoft.

Por favor, entre em contato comigo o mais rápido possível pelo e-mail vivian@criax.com.br, enviando seu tel, pois desejo entrevistá-la para uma matéria sobre uso da internet e sua segurança na escola.

Obrigada!
Abs
Vivian

5:00 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home

Get Free Shots from Snap.com/html>